ouça a entrevista do superior dos Paulinos “Não há paz onde não há misericórdia”, afirma Superior dos Paulinos”

“Não há paz onde não há misericórdia”, afirma Superior dos Paulinos”

Papa celebra Missa em Centro que acolhe migrantes – REUTERS

25/03/2016 08:38
Cidade do Vaticano (RV) – “Não há verdadeira paz onde não há perdão, onde não é misericórdia”: esta é a mensagem pascal aos ouvintes da Rádio Vaticano do Superior-Geral dos Paulinos, Pe. Valdir de Castro.

Em entrevista ao Programa Brasileiro, Pe. Valdir recorda que, diante do momento conturbado que o Brasil está vivendo, como é importante ouvir a voz de Jesus ressuscitado, “que nos chama a sermos irmãos”.

“A Páscoa deste Ano acontece dentro do Ano da Misericórdia e do Jubileu da Misericórdia. Lembramos que Jesus Ressuscitado, quando aparece aos seus discípulos, ele deseja a paz. Não há verdadeira paz onde não há perdão, onde não é misericórdia. Penso que é importante para nós especialmente nesta Páscoa aprender de Jesus misericordioso a perdoar, lembrando que o perdão, como afirma o Papa Francisco, é uma força que nos abre à vida nova e infunde coragem para olhar o futuro com esperança. Que possamos abrir o nosso coração à mensagem de Jesus ressuscitado, à mensagem de fé, de amor, de paz e de esperança. E que todos tenham uma Feliz Páscoa, levando no coração a mensagem de Jesus.”

Período conturbado

“O Ano da Misericórdia nos faz pensar em como nós brasileiros precisamos especialmente neste momento um pouco conturbado que o Brasil vive, como é preciso escutar a voz de Jesus, que nos chama a sermos irmãos, a pensarmos juntos nos problemas do país, buscando o respeito, buscando no diálogo a solução para os problemas.”

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s