ENTREGA DE CESTAS BÁSICAS E COMEMORAÇÃO ANIVERSARIANTES DE JANEIRO e FEVEREIRO

ENTREGA DE CESTAS BÁSICAS E COMEMORAÇÃO ANIVERSARIANTES DE JANEIRO e FEVEREIRO

ANIVERSARIANTES

Dora Pires – diretora de desenvolvimento social do Grupo assistencial SOS VIDA iniciou a cerimonia com alguns informes e falando da importância do cuidado com a saúde, sendo a melhor forma de prevenção a qualquer doença.

Informou também que nos próximos meses implantara  momentos de convivência com palestras de conscientização em diversas áreas  para melhor conduzirem suas vidas e outros informes.

Passou a palavra para o Padre Rafael e Pastor Elton Pothin que com reflexões Bíblicas e palavras de incentivo a cada um presente, lembraram da importância da participação de cada um nos diversos setores do SOS VIDA e como disse Dora Pires, o cuidado com a saúde de cada um.

Depois  chamaram os aniversariantes dos meses de dezembro, janeiro e fevereiro

( dentre eles Padre Rafael – diretor do SOS VIDA e Vigário da caridade – Diocese de Petrópolis )

para cantar parabéns e cortarem um bolo, depois desta pequena confraternização todos almoçaram no SOS VIDA.

A Pastoral da AIDS – CNBB / diocese de Petrópolis se fez presente através da coordenadora diocesana Dora Pires,

alguns agentes e Padre Rafael que acompanha esta Pastoral nesta diocese.

Pastor Elton Pothin e Padre Rafael terminaram com a leitura do salmo de Isaias – 46.3 lembrando a cada um presente da importância que Deus da a cada um de nós :

Ouvi-me, ó casa de Jacó, e todo o restante da casa de Israel; vós a quem trouxe nos braços desde o ventre, e sois levados desde a madre.
E até à velhice eu serei o mesmo, e ainda até às cãs eu vos carregarei; eu vos fiz, e eu vos levarei, e eu vos trarei, e vos livrarei.

Isaías 46:3-4

ORAÇÃO PELOS ANIVERSARIANTES ORAÇÃO PADRE RAFAEL (2) PADRE RAFAEL ABENÇOANDO PADRE RAFAEL ORAÇÃO PADRE RAFEL BOLO PAI NOSSO PARABENS PASTOR ELTON DORA PADRE RAFAEL

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s