FALA DE ANTONIO CARLOS DE SOUZA PIRES – MESA ABERTURA – Controle social é o controle exercido pela sociedade sobre o governo

 

Controle social é o controle exercido pela sociedade sobre o governo.

ABERTURA

Por meio do controle social, a sociedade é envolvida no exercício da reflexão e discussão para politização de problemáticas que afetam a vida coletiva.

Este modelo de gestão cria um profissional de articulação e negociação, que fomenta a cooperação e que atua no planejamento e na coordenação com foco no interesse coletivo.

No controle social, o governo atua sob fiscalização da  população, da opinião publica e da esfera pública política.

De acordo com o Governo Federal Brasileiro, o Controle Social é a participação da sociedade civil nos processos de planejamento, acompanhamento, monitoramento e avaliação das ações da gestão pública e na execução das políticas e programas públicos.

Trata-se de uma ação conjunta entre Estado e sociedade em que o eixo central é o compartilhamento de responsabilidades com vistas a aumentar o nível da eficácia e efetividade das políticas e programas públicos.

Segundo Edward Ross, o controle social é o conjunto de sanções positivas e negativas que uma sociedade recorre para assegurar a conformidade das condutas, dos modelos,normas e valores culturais estabelecidos.

Controle social é a integração da sociedade com a administração pública com a finalidade de solucionar problemas e as deficiências sociais com mais eficiência e empenho!

Nossa preocupação em buscar capacitar nossos representantes é para que o façamos da melhor forma possível,

com responsabilidade, transparência, imparcialidade,

a missão principal do SOS VIDA é prestar assistência e apoio aos portadores(as) do vírus HIV, dependentes químicos e seus familiares,

mas nas representações não podemos nos esquecer que

REPRESENTAMOS A POPULAÇÃO E SUA DEMANDAS,

ANSEIOS POR MELHORIAS EM SUAS VIDAS…

Este projeto de INCIDÊNCIA POLITICA, foi criado pela Pastoral da AIDS – CNBB devido a necessidade que sentimos de CAPACITAR e inserir nossos agentes nos espaços políticos e assim acompanhar as políticas publicas na busca de melhorias para a população,

com responsabilidade e respeito ao próximo.

Nas ultimas eleições tivemos 6 agentes da Pastoral da AIDS concorrendo,

em Petrópolis a nossa agente foi DORA PIRES, que começou sua trajetória no SOS VIDA, atualmente coordena a Pastoral da AIDS aqui na diocese, foi presidente do conselho de saúde,seu nome chegou a ser cogitado pelos 2 principais candidatos a prefeito PARA SER VICE EM SUAS CHAPAS,

Dora Pires esta sempre presente junto as necessidades do nosso povo.

Em juazeiro do Norte – CEARA, o atual coordenador do Programa Municipal de DST/AIDS é AGENTE DA PASTORAL DA AIDS,

todos estes agentes participaram da capacitação para INCIDENCIA POLITICA, esperamos que deste grupo possamos ter representantes de fato preocupados na defesa e melhoria dos direitos da população que representamos, trabalhando com dedicação e seriedade, não sendo somente para fazer numero em REUNIÕES,comissões ou outros espaços, e sim atuantes como deve ser o compromisso assumido,

com um trabalho responsável e que possamos realmente colaborar com a melhoria da qualidade de vida das pessoas,

trabalhar de mãos dadas, mas com autonomia, levar o olhar da sociedade civil ao governo,

ver e complementar o que não esteja conseguindo ver,

ir onde o governo não consegue ir,

e que nossa cidade possa de fato ser um bom lugar de se viver, com qualidade e dignidade,

ORGULHANDO –SE CADA VEZ MAIS DE QUE AQUI

NASCEU O GRUPO ASSISTENCIAL SOS VIDA.

Fé sem obras é morta

“Você tem fé; eu tenho obras”.

Mostre-me a sua fé sem obras, e eu mostrarei a minha fé pelas obras.

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

Um comentário em “FALA DE ANTONIO CARLOS DE SOUZA PIRES – MESA ABERTURA – Controle social é o controle exercido pela sociedade sobre o governo

  1. Parabens pela obra e pela disponibilidade em ajudar em um mundo onde o preconceito e o egoismo são as principais caracteristicas social. Eu exalto a todos aqueles voluntarios da boa vontade e da caridade. Amor ao proximo, é uma das virtudes mais nobres de qualquer ser vivo. Deixo aqui minhas cngratulaçoes a vc e a todos os que se entregam por uma causa tão complexa. Meus sinceros votos de prosperidade e sucesso!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s