COMPARTILHANDO EM DEFESA DA VIDA – Vereadora travesti recebe ameaça de morte após eleição em Piracicaba, SP

Vereadora travesti recebe ameaça de morte após eleição em Piracicaba, SP

A futura parlamentar suspeita de discriminação por ser homossexual. Ocorrência foi registrada no 5º Distrito Policial, em Santa Teresinha.

Do G1 Piracicaba e Região

11 comentários
Madalena experimenta terno que usará na posse como vereador de Piracicaba (Foto: Thomaz Fernandes/G1)
Vereadora eleita disse que foi ameaçada de morte
caso tome posse (Foto: Thomaz Fernandes/G1)

A primeira travesti eleita vereadora em Piracicaba (SP) registrou, nesta terça-feira (16), boletim de ocorrência por estar recebendo ameaças de morte desde que venceu as eleições. Madalena (PSDB), cujo nome de batismo é Luis Antônio Leite, disse que recebeu ligações de um desconhecido que ameaça matá-la caso tome posse na Câmara. A futura parlamentar recorreu ao departamento jurídico do Legislativo, que a orientou a prestar queixa.

Os telefonemas à casa de Madalena são diários. “A pessoa me diz coisas horríveis, diz que se eu assumir vai me matar no primeiro de janeiro”, disse. O assessor jurídico da Câmara, Robson Soares, acompanhou a política até o 5º Distrito Policial de Piracicaba e afirmou que, pelo conteúdo das ameaças, tudo indica que houve preconceito em função da orientação sexual de Madalena.

“A pessoa que liga diz que ela não merece ter sido votada por ser homossexual, que ela não pode assumir o cargo em 1º de janeiro e faz ofensas. A ligação era no telefone residencial, então a Madalena não sabia quem era. Agora ela já colocou um identificador de chamadas e estamos atentos em caso de uma nova ligação. O autor pode ser um adversário ou alguém mal intencionado do próprio partido”, disse Soares.

Madalena disse estar assustada com a série de ameaças e relatou ter sido fotografada por uma pessoa que estava em um carro desconhecido nesta semana na Rua Governador Pedro de Toledo, no Centro de Piracicaba. “Eu estava conversando com uma amiga minha quando um carro preto parou e o motorista tirou uma foto nossa. Eu me virei pra ver quem era, mas o carro já havia acelerado”, completou a vereadora eleita.

http://g1.globo.com/sp/piracicaba-regiao/noticia/2012/10/vereadora-travesti-recebe-ameaca-de-morte-apos-eleicao-em-piracicaba-sp.html


Roberto Pereira

Centro de Educação Sexual – CEDUS

Membro da Comissão Nacional de Aids – MS

Membro da Executiva do Fórum ONGs Tuberculose – RJ
Rio de Janeiro – RJ

Cel: (55.21) 9429-4550

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s