Relatório Global sobre a epidemia de aids no mundo

Relatório Global sobre a epidemia de aids no mundo

O Programa Conjunto das Nações Unidas sobre o HIV/aids (UNAIDS) anunciou nesta segunda-feira, dia 21, os dados do Relatório Global sobre a epidemia de aids no mundo. O evento contou com a honrosa presença e participação do Sr. Ministro de Estado da Saúde, Alexandre Padilha, do Diretor adjunto do Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais, Eduardo Barbosa e do Diretor do UNAIDS no Brasil, Pedro Chequer.

O relatório traz números e análises que atualizam os dados sobre tratamento, mortalidade, crescimento da epidemia no mundo e o investimento global para conter o avanço da aids.

Na oportunidade o Sr. Ministro reafirmou o compromisso do governo brasileiro na manutenção de uma política coerente com a ação programática estabelecida na última Assembleia Geral sobre HIV/AIDS e traçou as linhas gerais a serem implementadas pelo Brasil com vistas a redução das inequidades regionais no que concerne ao acesso à prevenção, diagnóstico e tratamento.

Informou ainda que essas ações são coerentes com o Marco Referencial proposto pelo UNAIDS objetivando o controle da epidemia em uma perspectiva futura. Destacou com ênfase a necessidade de ações dirigidas à população sob maior risco e expansão do acesso ao teste rápido com vistas à promoção do diagnóstico o mais precoce possível e tratamento oportuno.

Encontre abaixo o release compartilhado durante o anuncio e outros arquivos relacionados com o tema.

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s