SAUDE – Hortaliças realçam o seu prato

Talvez você não conheça todos os alimentos listados aqui e não saiba como são bons para a saúde. Eles são, igualmente, deliciosos e ricos em nutrientes importantes. Experimente-os. Acrescentamos algumas ideias de receitas:

1 – Alho – Não recomendamos fazer isto sozinho. Encontre alguém que esteja disposto a compartilhar a experiência. Remova as camadas fininhas e mais soltas de uma cabeça de alho, fatie um pequeno pedaço do topo, borrife levemente com um pouco de azeite, embrulhe em papel-alumínio e asse em forno preaquecido a 180ºC durante aproximadamente uma hora. A seguir, esprema a pasta cremosa que sairá da casca do alho e espalhe sobre torradas quentes. O resultado não só é delicioso como também lhe proporcionará uma imensa dose de thioallyls, nutriente fitoterápico capaz de baixar os níveis de colesterol no sangue, além de impedir a formação de coágulos que podem vir a lesar o coração. Cientistas acreditam que você possa baixar seu colesterol em aproximadamente 9% só de comer alguns dentes de alho fresco, diariamente, durante um período de até seis meses. 

2 – Abacate – É verdade, é rico em gordura, mas trata-se de gordura “boa” – do tipo monoinsaturado, que ajuda a baixar o nível de colesterol. Experimente amassar um abacate maduro com um pouco de suco de limão, uma cebola e um tomate picados como recheio de batatas cozidas ou panquecas.

3 – Funcho – Também conhecido como anis ou erva-doce, o funcho tem sabor adocicado e é levemente licoroso. As folhas delicadas podem ser usadas como tempero em sopas e ensopados. A base larga e bulbosa é servida como legume e pode ser comida crua ou fatiada e cortada em cubos para ensopados, sopas e recheios. O funcho ajuda a digestão e combina bem com peixes.

(Fonte: Dicas Secretas – Reader’s Digest)

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s