Juçara Portugal é recebida pelo ministro Alexandre Padilha – Juçara é tambem agente da Pastoral da AIDS – CNBB

Audiência Padilha recebe representante de ONG internacional de mulheres soropositivas

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, recebeu na tarde desta quinta-feira (2), em Brasília, a presidente no Brasil da Comunidade Internacional de Mulheres Vivendo com HIV/Aids (ICW). A carioca Juçara Santiago, 55 anos, é a representante brasileira da rede que atualmente está em 128 países. Ela veio pedir apoio ao Ministério da Saúde para a campanha “Mais paz, menos aids”. A iniciativa é uma das ações globais da ICW este ano e alerta para a vulnerabilidade das mulheres à aids em decorrência de violência e das guerras. Ela destacou a iniciativa do governo brasileiro que garante o acesso universal ao tratamento e que, desde 1992, custeia os medicamentos para aids que ela precisa tomar. “Quero que todo mundo tenha a atenção que recebi”, observa. O ministro ressaltou que as mulheres estão entre os grupos prioritários da política de enfrentamento da aids do país e destacou a importância da participação feminina na 14ª Conferência Nacional de Saúde (CNS). “É uma forma de as mulheres se aproximarem dos atores da Saúde para sensibilizar os dirigentes e gestores municipais”, afirma. No Brasil, o número de casos de aids é maior entre os homens quando comparados às mulheres; entretanto, essa diferença vem diminuindo ao longo dos anos. O fato pode ser observado a partir da razão de sexos (número de casos em homens dividido pelo número de casos em mulheres). Em 1989, a razão era de 6,0 e passou para 1,6 no ano de 2009. Ainda em 2009, a taxa de incidência entre os homens foi de 25,0 casos por 100 mil habitantes e, nas mulheres, a taxa foi de 15,5 por 100 mil habitantes. Na próxima semana, integrantes da ICW estarão em Nova York, nos Estados Unidos. Elas vão sugerir aos Estados-membros da Assembleia Geral das Nações Unidas a instituição do “Dia da Paz como Oportunidade para Deter a Aids”, todo 27 de junho. Os representantes das Nações Unidas estarão reunidos para tratar do enfrentamento ao HIV e aids no mundo. A ICW surgiu em Amsterdã, na Holanda, em 1992. No Brasil, o grupo conta com a participação de 300 mulheres que vivem com HIV/aids.

Juçara portugal é tambem agente da Pastoral da AIDS – CNBB

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

Um comentário em “Juçara Portugal é recebida pelo ministro Alexandre Padilha – Juçara é tambem agente da Pastoral da AIDS – CNBB

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s