Comunicação Gestos – “Mulheres, meninas e a AIDS”

Comunicação Gestos
Gestos – Soropositividade, Comunicação e Gênero
Nossa missão: Construir culturas democráticas, equitativas e de paz para superar a AIDS
http://www.gestospe.org.br

A jornalista e ativista Alessandra Nilo, Coordenadora Políticas Estratégicas da ONG Gestos, participa nesta quinta-feira (9), do painel “Mulheres, meninas e a AIDS”, durante a Reunião de Alto Nível da ONU em AIDS, que acontece em Nova York.

Na mesa, que será coordenada pelo médico nigeriano Babatunde Osotimehin, director executivo do Fundo de Populações da ONU (UNFPA), a pernambucana irá falar sobre a necessidade de indicadores para os Direitos Sexuais e Reprodutivos das mulheres e meninas integrados às políticas públicas para as mulheres, tema bastante trabalhado pela Gestos em mais de dez países africanos e latino-americanos.

Previamente à Reunião de Alto Nível, que começou nesta quarta-feira (8) e vai até amanhã (10), a Gestos também organizou, na segunda-feira (6), a Reunião Estratégica da campanha Where Is the Money for HIV and AIDS (Onde Está o Dinheiro para HIV e AIDS), promovida globalmente pela Gestos e pela Universidade da Califórnia (UCLA).

O encontro reuniu representantes da sociedade civil de todo o mundo para tratar das ações da campanha e do projeto de implantação da Taxa de Transações Financeiras (FTTs), que seria um novo imposto cobrado em transações financeiras internacionais cujo valor arrecadado seria utilizado para financiar as ações das Metas do Milênio.

Já na terça-feira (7), dois outros eventos foram promovidos pela Gestos. O primeiro, em parceria com a Rede Mundial de ativistas Global Coalition on Women and AIDS, na manhã de terça-feira (7), serviu como preparação para as discussões da Reunião de Alto Nível que tinham como foco a discussão dos direitos sexuais e reprodutivos das mulheres e a feminização da AIDS.

Também na terça, a Gestos promoveu, desta vez em parceria a LACCASO (da qual Alessandra Nilo é secretária regional) juntamente com a Aid for AIDS, a Reunião da Sociedade Civil Latino-Americana, também com o intuito de preparar os representantes de ONGs e membros das delegações dos países da América Latina para as discussões da Reunião de Alto Nível.

Uma das bandeiras defendidas por alguns países latino-americanos, que formaram um bloco liderado pelo Brasil, é o comprometimento com a meta 15 x 15, que visa o tratamento efetivo de 15 milhões de soropositivos até o ano de 2015. O cumprimento dessa meta significaria o acesso de 80% das pessoas que vivem com HIV e AIDS no mundo ao tratamento da doença. Outro ponto a ser defendido será no segmento da propriedade intelectual, defendendo a saúde pública frente aos interesses das grandes indústrias farmacêuticas, na luta para que as patentes não sejam uma barreira ao acesso ao tratamento da AIDS.

 

 

Autor:

O Grupo Assistencial SOS VIDA nasceu legalmente em 28 de março de 1998 com o proposito de oferecer apoio e assistência a portadores do vírus HIV/AIDS. Após um ano, Padre Quinha pediu ao fundador que começasse a trabalhar também com Dependência Química. Passados dezesseis anos os atendimentos vão além destas duas patologias, a busca por diversos motivos fez com que a instituição abrisse o leque de atuação – Ir de Encontro com a Necessidade de Quem Nos Procura – que, em sua grande maioria, são pessoas de baixa renda. Os assistidos contam ainda, além dos atendimentos na sede da instituição, com o amparo de profissionais de saúde que atendem gratuitamente em seus consultórios e clínicas.

2 comentários em “Comunicação Gestos – “Mulheres, meninas e a AIDS”

  1. Estamos vivendo a era do sexo, Depois que Emplantaran nas escolas aulas de sexo.. nos não podemos , mais controlar as ançiedade dos nossos jovens pelo sexo , eles não ten noções do perigo . de doenças de gravidez , ou mesmo de esta colocando mais uma criatura no mundo .. centenas de crianças são abadona, ate mesmo jogada no lixo. porque a inda não faz parte deles. ,, vejan o filme lagoa azul . e assim são todas as meninas tanto faz da cidade como do interior a mente não esta preparada para isso e nen o senso de mãe nen de pai… so querem curtir . um impulso da natureza …

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s